8 comentários em “Construção, narrativa, espaço, personagens, rostos…”

    1. o que talvez tenha te atrapalhado um pouco é que estamos acostumados hoje em dia com a maioria dos filmes de terror sendo meros exercícios de gênero. o filme inteiro é proposto ser de terror, ele só não segue regras (apesar desse plot). acho toda a ideia de aproveitar ao máximo tudo que um espaço e alguns personagens poderiam gerar pra depois chegar num climax longo, sóbrio e bem calculado (imagino que se ele fosse ‘explodindo’ aos poucos seria bem menos feliz) não menos que genial. além de ser muito bom, é um filme que o gênero tava precisando também.

  1. Esse filme é, basicamente, um exercício dos principais pilares do cinema – campo/contracampo, manipulação dos sons, etc. O título do seu post resume o que o filme é. Só que, como longa metragem, esse ficou devendo; poderia muito bem ser um média ou até mesmo um curta, sem nenhum problema, que seria mais feliz.

      1. Hehehehe, acho que eu teria de desenvolver uma crítica para poder expressar exatamente o que eu penso do filme.

        Bem, a estrutura desse aí é semelhante a de um curta-metragem. É como se tivessem esticado um filme de 15 minutos para que ele tivesse 101 minutos. Pegue uma imagem de dimensões 100×100 e estique-a para, por exemplo, 600×600… veja bem como a definição fica fraca… os pixels ficam evidentes. Senti que fizeram isso com o filme.

        Mas é bom filme, gostei. Serve legal para uma aula de produção audiovisual.

        Injeção Cinéfila

^-^

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s